O PROCOPÃO

O Bar Procopão é o nome fantasia do Bar Mariano Procópio Ltda que surgiu do aumentativo de seu sobrenome “Procópio” e à alusão a um copo grande. Foi inaugurado em 1929, pelo imigrante italiano Orestes Mandia, neste mesmo endereço que outrora fora ponto de parada para os viajantes que iam de Belo Horizonte para o Rio de Janeiro, antiga estrada União Indústria.


Aqui era passagem obrigatória, já que naquela época não existia a BR-040, nem a atual Av. Brasil e, tão pouco, automóveis. Os viajantes que por aqui passavam vinham principalmente de tropeiros, trem-de-ferro – Maria Fumaça –, jardineiras ou circulavam de bondes, fazendo de nossa casa parada obrigatória para o lanche do meio da viagem. Aqui encontravam o famoso sanduíche de pernil, coalhadas frescas, biscoitos fritos e as tradicionais médias de café com leite e pão com manteiga, além de funcionar também como posto de vendas de passagens.

Na década de 20, o bairro Mariano Procópio era pioneiro no desenvolvimento da Manchester Mineira, com a presença marcante da criação do Museu Mariano Procópio (1921), da fábrica de tecidos dos ingleses, a primeira loja dos Delmonte, as cervejarias Palermo e José Weiss, o Laticínio Estrela Branca, a estação da RFFSA, a sede da 4ª Região Militar, duas fábricas de papéis, além de ter ainda o maior e melhor comércio da região.


Em 1955, um jovem casal de também imigrantes, agora portugueses, Antônio e Albertina Alves, adquiriu o estabelecimento e, desde então, ele permanece na família, passando de pai para filhos, completando, em 2013, 84 anos de existência, dos quais 58 anos nas mãos de nossa família.


Ao longo dos anos, como num passe de mágica, tudo foi desaparecendo e, daqui de dentro do Bar, vimos tudo no bairro ruir, mas resistimos e nos orgulhamos de dizer que somos um dos bares mais antigos do Brasil, funcionando no mesmo local, sem nunca ter interrompido nossas atividades e nem ter trocado de nome.

É raro encontrar, hoje em dia, um empreendimento capaz de sobreviver tantos anos e manter-se firme, pois já superamos:


  • Várias crises econômicas nacionais e internacionais;
  • Mais de 10 trocas de moedas no país;
  • Mais de 30 planos e emendas econômicas;
  • Mais de 30 Ministros da Economia;
  • Mais de 20 Presidentes da República;
  • A Revolução Militar de 1964 com suas tropas e canhões a menos de 30 metros de distância do bar.

  • Daqui de dentro vimos e vibramos com todas as Copas do Mundo. São muitas histórias, alegrias e lágrimas:
  • Em 1930, na 1ª Copa do Mundo no Uruguai, tínhamos 01 ano;
  • Em 1950, quando inauguramos o Maracanã e perdemos para o Uruguai, tínhamos 21 anos;
  • Em 1958, quando fomos campeões na Suécia, tínhamos 29 anos;
  • Em 1962, quando fomos Bicampeões no Chile, tínhamos 33 anos;
  • Em 1970, quando fomos Tricampeões no México, tínhamos 41 anos;
  • Em 1994, quando fomos Tetracampeões nos Estados Unidos, tínhamos 65 anos;
  • Em 2002, quando fomos Pentacampeões no Japão, tínhamos 73 anos;
  • Em 2014, quando sediaremos a 2ª Copa do Mundo no Brasil, certamente seremos Hexacampeões, de preferência em cima da Argentina! Nesta ocasião, vibraremos muito aqui no Procopão e estaremos com 85 anos.

Persistimos firmes e persistiremos ainda mais, graças a um trabalho árduo, com dedicação e grande criatividade de todos que por aqui passaram, sejam colaboradores, amigos e clientes que nos ajudam a prolongar nossa alegria e orgulho de trabalhar naquilo que amamos, formando assim a grande Família Procopão.


Agradecemos a todos que nos prestigiam com suas presenças, sugestões, críticas, incentivos e amizades nascidas no Procopão, que se tornou o “Bar da Tentação”.


Assim é a nossa filosofia: proporcionar a todos um ambiente agradável, sadio, familiar e acolhedor. Tudo isso coroado pelos deliciosos petiscos, que acreditamos que além do visual, do aroma e do sabor inigualável, também tem alma. Por isso, batizamo-los com nomes sugestivos que tomam identidade própria e logo caem no gosto popular como os “Jabá de Jagunço”, “Escondidinho Mineiro”, “Galo de Espora”, “Mineirinho Come Quieto”, “Boi de Jaleco”, “Mulato Matuto”, “Brega e Chique”, “Atoladinho”, “Vovô Doidão”, “Bumba meu Boi”, “Sabor de Minas”, entre outros, por acreditarmos que a gastronomia é a maior identidade cultural de um povo.


Tudo isto acompanhado pelo nosso atendimento diferenciado, acolhedor, à moda antiga e bem mineira. Assim,procuramos recriar as noites de outrora, sem “stress” e nempressa para nada. É só curtir a vida, porque o ser humano foi feito simplesmente para ser feliz.


Fique à vontade, a casa é sua!

O Procopão é um dos bares mais tradicionais de Juiz de Fora e faz parte da história do município desde 1929. Com tantas décadas de vida, acompanhamos momentos importantes e que marcaram o desenvolvimento da Princesa de Minas. Confira aqui imagens do passado, mas que dizem muito do nosso presente.

clique aqui e veja mais fotos
envie uma foto histórica de JF
Envie-nos uma Foto Histórica.
Nome
E-mail
Cidade
Mensagem

Por gentileza, evite enviar arquivos superiores a 1 Mb

Rua Mariano Procópio, 1115 - Mariano Procópio - Juiz de Fora - Minas Gerais
T. 32 3233-2000
A sua opinião é muito importante para o Procopão! Deixe registradas as suas dúvidas, sugestões, críticas ou elogios que, em breve, teremos o maior prazer em respondê-lo (la).
Nome
E-mail
Cidade
Mensagem
Bar Procopão